CRM na Saúde – Indicações, Vantagens e Usos

Tempo de leitura: 4 minutos

Uma das prioridades da atualidade em clínicas e consultórios é manter contato com o cliente. Para garantir satisfação e excelência é preciso atendê-lo adequadamente, oferecendo sempre os melhores serviços, de acordo com suas necessidades, e para que isso aconteça, é necessária uma base de dados consistente e atualizada.

De olho na modernização e no crescente mercado da área da saúde, cada vez mais clínicas e consultórios vem apostando em tecnologia como forma de agregar valor aos seus serviços.

Com isso surge o CRM (Customer Relationship Management), em português “gestão de relacionamento com o cliente”, cujo foco é entender e antecipar as necessidades do consumidor. 

Quais os benefícios do CRM na saúde?

Com o sistema de CRM na saúde, o consultório passa integrar o cliente em todo o processo de adequação e desenvolvimento de produtos e serviços, tornando assim mais fácil inovar e oferecer um atendimento personalizado.

Diante de decisões direcionadas e assertivas, os custos tendem a ser menores, tornando assim seu empreendimento mais lucrativo.

Possibilitando um canal direto e durável com o cliente, cria-se assim uma fidelização.

Atuando com um valor superior perante serviços e produtos oferecidos em sua clínica, é possível manter uma condição bem competitiva diante do mercado.

Como escolher o CRM adequado?

Os tipos de CRM são:

  • CRM Operacional: Onde um aplicativo funciona conectado aos sistemas de retaguarda, oferecendo atendimento e suporte ao cliente.
  • CRM Analítico: Aplicativo que analisa dados dos clientes com intuito de gerenciar o desempenho do suporte de atendimento.
  • CRM Colaborativo: Permite a interação do cliente ao consultório, oferecendo uma relação de parceria com consumidor e permitindo sua autonomia quanto a serviços prestados.

Para que se tenha um bom desempenho e as necessidades do consultório sejam atendidas, é importante que o sistema escolhido atenda as exigências básicas como;

– Ter uma visão ampla de cada cliente

– Oferecer ao cliente uma visão total da clínica, possibilitando o acesso a todos os tipos de serviços prestados.

-Capacitar a equipe de profissionais a realizar um atendimento ao cliente mais ágil e completo.

Focar nesses 3 pontos e torná-los principais na performance clínica, pode facilitar o processo de escolha, pois cada CRM tem seus pontos fortes, o ideal é entender qual desses assuntos devem ser priorizados e de acordo com isso escolher a melhor alternativa.

Implementando o sistema CRM na Saúde

Após entender as reais necessidades de seu consultório, é hora de começar o processo de implementação, aqui o ponto principal não é a aquisição de altas tecnologias ou o investimento de capital desnecessário. A chave para o sucesso, vem por meio da mudança de cultura praticada em seu empreendimento, referente à sua infra-estrutura e ao relacionamento com o cliente.

Essa implementação precisa ser baseada em:

  1. Trabalho orientado e compartilhado com todo consultório, inclusive para o cliente que utiliza seus serviços.
  2. Utilizar todas as informações possíveis, com foco em melhoria do atendimento.

E como proceder com isso?

Inicia-se definindo o tipo de tratamento ao cliente e qual a relação que se pretende formar com o mesmo, nessa etapa são fundamentais a participação de diretores e gestores, pois terá que ser tomada uma série de decisões em relação à mudança de postura da equipe.

Logo após essas decisões, é necessária a reunião de toda documentação relativa ao atendimento ao cliente, fase demorada, porém muito importante.

Com todas as informações em mãos, é hora de decidir qual software será utilizado, e que, por sua vez, define o melhor hardware para compor todas as soluções.

E finalmente, após toda uma análise e planejamento de implantação, são instaladas as tecnologias e processos que farão parte do novo sistema.

É extremamente necessário entender que em toda mudança existem desafios, e que nesse caso o fator humano é de vital importância para que todo o sistema obtenha sucesso e traga os resultados desejados.

É papel da gerência e direção do consultório ajudar a equipe de colaboradores a entender as mudanças, estimulando todos e a se adaptarem a elas, quanto mais informadas e integradas elas estiverem, mais rápida e eficaz será a instalação do sistema.

Se reciclar e inovar é uma necessidade, com isso você se manterá atual e competitivo no mercado, promovendo sempre o crescimento e desenvolvimento de sua clínica, criando bases sólidas e ganhando cada vez mais espaço em seu ramo.

Agora fazemos um convite todo especial para que conheça nosso Treinamento para a alta performance clínica! CLIQUE AQUI PARA RESERVAR A SUA VAGA!

Deixe aqui o seu comentário
Deixe aqui o seu comentário